Comer sozinho. Sempre que possível, almoce ou jante sozinho: estando rodeado de pessoas, é mais fácil repetir doses e cometer excessos (terminar a comida dos miúdos, por exemplo). Jante antes ou depois da família, levando o seu prato já preparado para outra divisão da casa que não a cozinha e desfrute da refeição, voltando apenas quando todos tenham terminado. Quando estiver disciplinado, volte a partilhar as refeições com a família.
Dietas que cortam drasticamente as calorias ou algum componente específico, como os carboidratos por exemplo, são consideradas restritivas. Para perder com saúde o esperado é perder entre meio quilo e um quilo por semana. Mais do isso pode ser sinal de que você não está realizando a dieta mais adequada. A alimentação monótona e com pouca variedade de alimentos não traz todos os nutrientes que o corpo precisa, podendo até afetar a imunidade e o corpo mais vulnerável a doenças. Dieta dos shakes, dieta sem glúten e dieta da sopa são alguns exemplos de dietas restritivas.

Conte as calorias. O conhecimento do número de calorias de que seu corpo precisa para funcionar corretamente vai ajudá-lo a criar um plano alimentar personalizado e, consequentemente, a emagrecer de forma rápida, mas sustentável. As necessidades calóricas variam de acordo com a idade, o sexo, a altura e o nível de atividade física de cada indivíduo. Existem diversas calculadoras de calorias na internet que vão ajudá-lo a determinar de quanta energia você precisa diariamente.[6]
Larsen escreveu o livro Stranger Here: How Weight-Loss Surgery Transformed My Body and Messed with My Head (em tradução livre, Estranha Aqui: Como Cirurgia de Perda de Peso Transformou Meu Corpo e Mexeu com a Minha Cabeça) e contou sobre sua experiência. Após falhar em várias dietas, decidiu apostar no procedimento cirúrgico. “Parece ridículo realmente ter caído no conto de fadas de perda de peso. Mas eu tinha caído completamente e depois fui cegada pela falta de um ‘felizes para sempre”
Em uma dieta equilibrada, a carne é um elemento muito importante, pois é uma fonte de proteína responsável pela fabricação das hemoglobinas que transporta nutrientes e oxigênio pelo organismo, ajuda na formação dos músculos e na composição de ossos. Por isso, ela é indispensável. É importante que você dê prioridade às carnes magras, pois elas contêm menos gorduras e lembre-se que a melhor maneira de preparar é assando ou grelhando o alimento.
×